TORRE É PRAIA SAUDÁVEL






  






TORRE É PRAIA SAUDÁVEL

A Praia da Torre, em Oeiras, recebeu, pelo terceiro ano consecutivo, o Galardão "Praia Saudável".

Na prática, este galardão implica a atribuição de um número de telemóvel ao nadador salvador, o qual se encontra divulgado numa bóia existente na Praia e que, em caso de emergência, permite uma maior articulação com o Instituto de Socorros a Náufragos e a Capitania do Porto de Lisboa.

Na presente época balnear, para além do galardão, foi atribuída ao município uma máquina de limpeza do areal, que serve de complemento à limpeza mecânica realizada pelos serviços da Câmara Municipal de Oeiras, sendo este mais um contributo para a melhoria da qualidade deste espaço.

Relembre-se que o Galardão "Praia Saudável" é promovido pela Fundação Vodafone Portugal desde Julho de 2005 e abrange actualmente mais de 150 zonas balneares de Portugal Continental e Regiões Autónomas. Este programa incide em quatro vertentes principais: Segurança, Acessibilidade, Ambiente e Sensibilização.

Na vertente Segurança são disponibilizados importantes equipamentos, tais como veículos de salvamento, motos de salvamento marítimo, macas flutuantes e torres de vigia, entre outros. Foi também criada uma rede de comunicações móveis simplificada e acessível ao público, são atribuídos telefones móveis e um número telefónico a cada posto de praia abrangido pelo programa.

Na vertente Acessibilidade, o principal objectivo passa por dotar as zonas balneares de equipamentos que contribuam para melhorar a utilização destas zonas por de veraneantes com necessidades especiais, designadamente, a doação de passadeiras especiais ou de cadeiras de rodas anfíbias.

No plano da Gestão Ambiental, visa-se a protecção das zonas balneares, não só através da participação no Programa Nacional de Vigilância promovido pela Associação Bandeira Azul da Europa, como também pela doação de equipamentos que contribuam para a minimização dos impactos ambientais negativos.

Igualmente importante é a Sensibilização, para a qual se contribui de forma significativa através da melhoria dos níveis de informação disponibilizada aos frequentadores das zonas balneares, para as questões relacionadas com a segurança, acessibilidade e qualidade ambiental.