Cancro da pele

Liga Portuguesa Contra o Cancro previne cancro da pele em praias da Região Centro - Nos dias 13 e 14 de Agosto


Exposição excessiva ao sol é a principal causa deste tipo de cancro - Todos os anos registam-se cerca de 10 mil novos casos de cancro da pele, nomeadamente junto de uma população cada vez mais jovem.

 

Para muitos portugueses, férias, sol e praia é a combinação perfeita do Verão. Contudo, é preciso não esquecer que o sol exige cuidados com a pele. Com o objectivo de sensibilizar a população para a problemática do cancro cutâneo e incentivar à adopção de uma atitude preventiva, voluntários do Núcleo Regional do Centro (NRC) da Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) marcam presença nas praias da Tocha, Vagueira, Barra e Esmoriz, no próximo fim-de-semana, dias 13 e 14 de Agosto. A campanha “Gosto do Sol. Protejo a Pele”, que inclui aulas de ginástica e torneios de voleibol, insere-se nas comemorações do 70.º aniversário da LPCC.

Estudos comprovam um aumento da incidência do cancro de pele em Portugal. Todos os anos registam-se cerca de 10 mil novos casos, nomeadamente junto de uma população cada vez mais jovem. No entanto, este crescimento não tem sido acompanhado por um aumento da taxa de mortalidade, que, pelo contrário, tem vindo a diminuir. Esta redução deve-se, essencialmente, ao diagnóstico precoce e à informação disponibilizada à população.

Nove em cada 10 novos casos de cancro da pele derivam de uma exposição excessiva ao sol. Em pessoas de raça branca, este é o tipo de cancro mais prevalente. Contudo, se for diagnosticado e tratado numa fase inicial, pode ser curado.

Para além do diagnóstico precoce, a população tem, também, de estar sensibilizada para os factores de risco relativos ao cancro cutâneo, que incluem: ter pele clara, com sardas e muitos sinais escuros; pele difícil de bronzear, mas que sofre com facilidade queimaduras solares; exposição excessiva, intermitente ou prolongada ao sol; não usar regularmente protector solar adequado ao tom de pele; não usar chapéu e óculos de sol; exposição solar em horas de risco (entre as 11 e as 17 horas e, principalmente, entre as 12 e as 16 horas); e antecedentes familiares de melanoma ou de outro tipo de cancro da pele.

As Acções de Sensibilização para a Prevenção Solar e Cancro da Pele “Gosto do Sol. Protejo a Pele” contam com o apoio das Câmaras Municipais dos concelhos de Cantanhede, Vagos, Ílhavo e Ovar, Juntas de Freguesia de Ovar e Esmoriz e Serviço de Saúde Pública do Centro de Saúde de Cantanhede.
Mais informação sobre a Liga Portuguesa Contra o Cancro em: www.ligacontracancro.pt.

Acções de Sensibilização para a Prevenção Solar e Cancro da Pele “Gosto do Sol. Protejo a Pele” 
Dias 13 e 14 de Agosto

Praia da Tocha
- Sensibilização para a Prevenção Solar e Cancro da Pele | Sábado e Domingo, das 9h às 19h
- Aula de Ginástica | Sábado, 10:30h
- Torneio de Voleibol | Sábado e Domingo, 17h
- Conhecer para Prevenir | Sábado e Domingo, 10h e 17h

Praia da Vagueira
- Sensibilização para a Prevenção Solar e Cancro da Pele | Sábado, das 10h às 17h

Praia da Barra
- Sensibilização para a Prevenção Solar e Cancro da Pele | Sábado e Domingo, das 10h às 18h, na Biblioteca de Praia da Praia da Barra
- Conhecer para prevenir | Sábado, 10h (praia) e das 14.30 às 18:30 (Largo do Farol – actividade “Gosto do Sol, Protejo a Pele”) | Domingo, às 10h e às 17h (praia).

Praia de Esmoriz
- Sensibilização para a Prevenção Solar e Cancro da Pele | Sábado e Domingo das 9h às 19h
- Conhecer para Prevenir | Sábado e Domingo às 10h e às 17h

Para mais informações sobre esta iniciativa, contactar:
Núcleo Regional do Centro da Liga Portuguesa Contra o Cancro
Unidade de Formação e Educação para a Saúde - 239 487 490
formacao.nrc@ligacontracancro.pt