Candidíase Vulvovaginal: atinge 75% das mulheres pelo menos uma vez durante a vida

A Candidíase Vulvovaginal (CVV) é a segunda causa mais frequente de infecção genital nas mulheres em idade reprodutiva. Caracteriza-se por uma inflamação sintomática da vulva e da vagina provocada por um fungo, que atinge 75% das mulheres pelo menos uma vez durante a vida.

A CVV apresenta uma causa multifactorial. Os factores predisponentes para o seu aparecimento são a gravidez, os contraceptivos hormonais, a diabetes, os antibióticos e a terapêutica com imunossupressores.
Sintomas: Os sintomas predominantes deste tipo de infecção são o prurido ou irritação intensa que podem afectar a vagina e a vulva, assim como um corrimento esbranquiçado de aspecto semelhante a requeijão. No entanto, existem ainda outros sintomas frequentes como a sensação de ardor, dispareunia ou disúria.

A VB e a CVV são as infecções vulvovaginais mais frequentes, no entanto, existem ainda outras infecções que ainda não estão completamente caracterizadas mas que se sabe que estão associadas aos desequilíbrios/ anomalias da flora vaginal.

Leia o artigo completo da Dr.ª Fátima Palma, Ginecologista/Obstetra da MAC

-->