Solidariedade, Cidadania e Sustentabilidade

Inauguração: 30 de dezembro | 15H00
Jardim de Paço de Arcos

A Feira Ambiental de Natal abre as portas de 30 de novembro a 9 de dezembro, no Jardim de Paço de Arcos.
-->


Esta iniciativa, cujas palavras-chave são solidariedade, cidadania e sustentabilidade além de pretender dar a conhecer algumas propostas de presentes de Natal mais amigos do Ambiente e das pessoas, tem como o objetivo essencial contribuir para incutir uma consciência ecológica que apele à mudança de atitudes face à defesa do Ambiente, bem como para necessidades de cariz social que existem nos dias de hoje. A entrada é livre.

A inauguração da Feira é na sexta-feira, dia 30 de novembro, às 15H00, numa cerimónia que começa ao som do Coro de Santo Amaro de Oeiras e que conta com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Oeiras, Isaltino Morais e da Madrinha desta iniciativa, Margarida Pinto Correia (Fundação Gil).

A Feira Ambiental de Natal é organizada pelo Município de Oeiras, à qual se associaram entidades, artesãos e Instituições Particulares de Solidariedade Social do concelho.

Os visitantes podem encontrar inúmeras atividades em que podem participar, como por exemplo um Depositrão, para depósito de equipamentos elétricos e eletrónicos em fim de vida, e viaturas elétricas para a realização de Test Drive. O público pode, ainda, participar em ateliers temáticos, conhecer campanhas ambientais, assistir a espetáculos, efetuar compras a preço de custo, adquirir produtos gastronómicos e de artesanato, entre outros. Há, ainda, a possibilidade de ganhar vários brindes.

De referir que, no interior da Feira estão expostas árvores devidamente decoradas com os trabalhos realizados por alunos das escolas do concelho de Oeiras, no âmbito do concurso Enfeites de Natal, promovido no Programa de Educação Ambiental 2012/13


O programa do dia da inauguração, 30 de novembro, inclui um espetáculo do Grupo de Dança Korpus, da CERCI Oeiras e várias atividades de animação destinadas às várias camadas etárias. Por exemplo, o espaço Seniores Ativos vai ser animado com várias atividades de elaboração de artigos recorrendo à reutilização de materiais (participam utentes do Centro Comunitário Alto da Loba), no stand do Agrupamento de Escuteiros de Linda-a-Velha faz-se bijutaria e outros materiais, no espaço Rede Espaço por um Comércio Justo é possível adquirir produtos a preço de custo (o comércio justo é uma associação entre produtores e consumidores que visa promover a sustentabilidade do processo de produção do produto desde a matéria-prima até ao produto final).

Uma nota para o facto da CP Lisboa oferecer vouchers família em troca de bens alimentares não perecíveis (2 produtos = 1 voucher família) - os bens recolhidos no evento serão entregues no Centro Social e Paroquial de Porto Salvo.

A Tetra Pak apresenta o projeto “Sim, é no Amarelo”, com iniciativas dedicadas a adultos e a crianças.

A Fundação PT/ Sapo/ /TMN oferece os mais variados brindes aos visitantes, tais como telemóveis, entre outros.

Por último, neste evento marcam também presença: Confraria do Vinho de Carcavelos; Cacetes de Paço de Arcos e Queijadas de Oeiras; Ginjinha de Óbidos; Oferta de Bebidas Dolce Gusto, Mel, vários produtos alimentares vendidos por IPSS e artesanato.