O “MAU” E O “BOM” COLESTEROL


 Alimentos ricos em gordura saturada

 -          Produtos lácteos, como a manteiga e as natas

-          carnes vermelhas

-          enchidos

-          óleo de coco e de palma

-          bolachas

-          chocolates 

O colesterol e as doenças cardiovasculares

O colesterol é uma substância anónima que circula no sangue, necessário a várias funções vitais, mas, quando está em excesso, torna-se um inimigo a abater.
As doenças cardiovasculares são a principal causa de morte em Portugal e hoje sabemos que uma das principais causas para o desenvolvimento deste tipo de patologias é sem dúvida, devido ao aumento do colesterol no sangue. 
Um estudo realizado com uma amostra representativa da população Portuguesa pelo Instituto de Alimentação Becel, e que contou com o apoio da Fundação Portuguesa de
Cardiologia e a Sociedade Portuguesa de Aterosclerose, revelou que mais de 2/3 da nossa população apresentam níveis de colesterol elevados.
Sem dúvida que é necessário actuar, no sentido da prevenção e consciencializar os Portugueses para o risco em que correm.

Sabe qual é o valor do seu colesterol? Já alguma vez o mediu?

O colesterol é essencial ao organismo, mas torna-se prejudicial, quando está em excesso.


O “MAU” E O “BOM” COLESTEROL

Não é só nos filmes que existem duelos entre os maus e os bons.
Para circular no sangue o colesterol necessita de ser transportado associado a proteínas, formando as lipoproteínas. As mais importantes são as LDL e as HDL.
As LDL transportam o colesterol do fígado para as células onde existem receptores específicos para os receber. Quando os receptores estão todos ocupados, o colesterol vai-se depositar na parede das artérias. Este é conhecido como o mau colesterol. Pelo contrário, o colesterol HDL asseguram o retorno do colesterol das células para o fígado, onde posteriormente este vai ser eliminado. Funciona como o nosso verdadeiro sistema de limpeza.


Valores recomendados para o colesterol
- Colesterol Total £ 190 mg/dl
- Colesterol LDL £  115 mg/dl
- Colesterol HDL ³ 35 mg/dl


Hoje sabe-se que, são vários os factores que podem influenciar a subida do colesterol no sangue, tais como; predisposição genética, algumas doenças, como as doenças renais, da tiróide, as hepáticas, a obesidade, os diabetes, bem como alguns medicamentos como por exemplo os contraceptivos orais. Actualmente os estilos de vida modernos, onde reina o sedentarismo, o stress o tabagismo e excessos alimentares são também fortes concorrentes para a sua subida.
Presentemente, considera-se que os erros alimentares são os que têm um maior peso.

Deste há muito, que as investigações em torno do colesterol tem cativado os cientistas, e hoje são bem conhecidos, os alimentos os tipos de gordura que podem influenciar o aumento do colesterol, deste modo, o consumo elevado de alimentos  ricos em colesterol e em gordura saturada, bem como uma alimentação rica em calorias, conduz ao aumento dos valores do colesterol no sangue. 

Subscribe to Revista Saúde Hoje by Email 

Actualmente e segundo investigações, sabe-se que as gorduras saturadas são consideradas como as principais responsáveis pela sua subida.   

Todas as gorduras ajudam a subir o colesterol?

Não, gorduras insaturadas (monoinsaturadas e polinsaturadas) podem ter um efeito “protector” do colesterol, considerando-se que podem mesmo ajudar a subir o “bom colesterol”.
As gorduras monoinsaturadas estão presentes no azeite, óleos de amendoim, nas carnes de frango, e as gorduras polinsaturadas, encontram-se especialmente nos óleos vegetais (girassol, milho, soja, cartámo) nos cremes vegetais para barrar, nos peixes gordos, nas nozes, entre outros. Sabe-se que as gorduras polinsaturadas têm um efeito positivo e acentuado na descida do colesterol, e as gorduras monoinsaturadas também têm igualmente um efeito benéfico, embora menos acentuado.

Para a maioria dos indivíduos, é difícil o cumprimento das recomendações alimentares, bem como a adopção de estilos de vida mais saudáveis.
Desta forma, cabe à indústria alimentar um papel activo na inovação de alimentos, com potenciais benefícios sobre o colesterol.
Após um longo período de investigações científicas no campo alimentar, conseguiu-se introduzir esteróis vegetais, um componente natural que é extraído de plantas e faz parte da nossa alimentação, num creme vegetal para barrar.
Este novo alimento tem um papel de destaque na redução do colesterol no sangue e um papel fundamental para diminuir um factor de risco das doenças cardiovasculares. 

Vale a pena medir o seu colesterol. Só assim vai conseguir mantê-lo sob controlo.
As evidências são claras, sabe-se que uma redução de 10% do colesterol, reduz em cerca de 50% o risco de doença coronária, num homem de 40 anos.
Se nunca pensou na saúde do seu coração, chegou agora a altura. 

Dra. Helena Cid
Nutricionista


Chá para perder peso

Misture em 1 litro de água a ferver:

1 colher (café) de cada uma das ervas (cavalinha, chá verde, dente-de-leão), deixe por 5 minutos.

Desligue o fogo.

Espere arrefecer e coe.

Beba 3 chávenas ao dia.

Benefícios do Alho para a saúde

"Conhece os benefícios do Alho para a saúde? 

Ou usa-o apenas para temperar a comida e dar-lhe mais sabor?

Muitos gostam de usar o Alho em tudo o que fazem, sem saber que o Alho é um aliado na saúde.

 Descubra porque.

Com apenas 67 quilo calorias, o Alho é uma boa fonte de vitamina B e C, potássio, fósforo, magnésio, cálcio e sódio. Nele estão reunidos inúmeros benefí­cios para o corpo, desde evitar problemas de pele, do aparelho digestivo ou mesmo problemas de prisão de ventre.

AS SUAS PROPRIEDADES
- Reduz a tensão arterial,
- Estimula o sistema imunitário,
- Melhora a circulação sanguínea,
- Regula o metabolismo das gorduras,
- Nas alergias, actua como anti-histamí­nico,
- Aumenta a resistência dos vasos sanguíneos,
- Possui propriedades diuréticas e anti-inflamatórias,
- É um poderoso agente anti-bacteriano e anti-oxidante,
- Possui uma acção antibiótica, anti-viral e anti-fúngica directa.

Má Circulação



Ingredientes:
5 dentes de Alho
3 colheres (sopa) de azeite
1 frasco de vidro

Preparação:
Pique os dentes de Alho e leve-os ao lume numa panela, juntamente com o azeite. Cozinhe em lume brando durante 5 minutos mexendo sempre. Coe e transfira o preparado para o frasco de vidro. Utilize este preparado para temperar a comida.


Perder peso com a Beringela

Desde as propriedades anti-cancerígenas à redução dos níveis altos de colesterol, a Beringela tem muitos outros benefícios.

Perder Peso com o auxílio da Beringela
Em 1 litro de água, coloque uma beringela cortada às fatias. Reserve por 1 dia, dentro do frigorífico. Beba 2 copos por dia:
Ao levantar e antes de dormir.

*Ao adicionar sumo de 1 limão, potencializa os seus efeitos.

Usos
Saúde: Indicada nos tratamentos de artrite, gota, reumatismo, diabetes e inflamações da pele. Auxilia no processo digestivo, é bastante nutritiva e laxante. É aconselhada em casos de indigestão, desnutrição e prisão de ventre. Alivia problemas do fígado e do estômago. Culinária: É bastante utilizada na cozinha indiana, grega e francesa, e na cozinha vegetariana. Pode consumida na forma assada, cozida, grelhada, recheada, refogada ou frita. Apesar de não ser muito aconselhada frita, devido a absorver muito óleo, aumentando em quatro vezes a quantidade de calorias das refeições. Pode também ser usada na preparação de alguns pratos como saladas, tortas recheadas e pratos de lasanha. Serve de preparação nos pratos com soja e tofu.

Dica
Experimente colocar a Beringela antes de a cozinhar em sal, assim vai eliminar o sabor amargo, depois corte-as às rodelas e deixe repousar 30 minutos. Passe por água, enxague em papel absorvente e disponha pelos pratos das refeições.

 Sabe mais sobre este poderoso fruto
A Beringela é o fruto da planta Solanum melongena, originária da Índia e sudoeste Asiático. É de fácil cultivo, encontrada nos trópicos, pertence à mesma família do tomate, pepino, pimento e batata. Planta herbácea da família das solanáceas, é bastante sensível ao frio, principalmente à geada e à chuva.
A época em que nasce ocorre de Setembro a Fevereiro nas regiões mais amenas, e durante todo o ano em regiões de clima quente. Apesar de natural da Índia, foi trazida para a Europa pelos árabes.
Tem um pedúnculo verde rijo, um fruto macio de pele fina, uma casca brilhante e sementes claras. O fruto apresenta cor violeta ou roxo escuro e tem uma forma alongada.
A casca brilhante é constituída por um tipo de fitoquímico, denominado de antocianina, uma excelente substância que actua como anti­oxidante, impede a acção nefasta dos radicais livres do oxigénio e ajuda na protecção do organismo contra os danos celulares.
Constituição
Fruto pouco calórico, com 16 calorias por cada 100gr. Cerca de 93% é constituída por água. Tem cerca de 200mg de potássio, 2,5gr de fibra alimentar, 10mg de cálcio e 12mg de fósforo por 100grs de beringela.
Beringela Crua Beringela grelhada c/azeite
Energia (kcal) 16 89
Água (g) 92,5 80,4
Proteína (g) 1.1 1.9
Lípidos (g) 0.2 7.1
Hidratos de carbono (g) 2.4 4.3
Ác. fólico (?g) 20 25
Potássio (mg) 234 373
 Porção Edível = diz respeito ao peso do alimento que é consumido depois de rejeitados todos os desperdícios.
Fonte: Porto A, Oliveira L. Tabela da Composição de Alimentos. Lisboa: Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge. 2006.

Propriedades

Rica em água e vitaminas A, B1, B2, B5 e C, ácido fólico e potássio, mas com um baixo valor energético, devido à sua pobreza em lípidos, hidratos de carbono e proteínas, a Beringela tem diversas propriedades medici­nais. Anabela Laranjinha, especialista em Fito­terapia, refere algumas: “a Beringela apresenta propriedades digestivas, nutritivas e laxantes sendo, por isso, recomendada a sua ingestão em casos de má nutrição, má digestão e obstipação. Por último está também indicada para problemas de fígado e estômago sendo a sua aplicação mais conhecida o controlo dos níveis de colesterol.” O baixo teor de sódio e o elevado teor de potássio promovem o equilíbrio de fluídos corporais, ajudam a eliminar as toxinas do organismo e ajudam a regular a tensão arterial. Desempenha assim um importante papel nas acções de contracção muscular e ritmo cardíaco, contribuindo para a prevenção de arteriosclerose. A composição de magnésio, fósforo e cálcio ajudam na preservação da saúde dos ossos e dos dentes. O ácido fólico é um óptimo controlo imunitário, pois participa na formação dos glóbulos vermelhos e ajuda a prevenir malformações fetais no período da gravidez. Como apresenta um grande teor em compostos fenólicos é considerada uma boa fonte de antioxidantes.

Goji contra obesidade

Lycium barbarum

Conhecido pelas propriedades de anti-envelhecimento, é considerado uma das frutas mais ricas em nutrientes.

Originário do Noroeste da China e do Tibete e usado pelos chineses há milhares de anos, faz parte dos cerca de 8000 ervas e alimentos constituintes da Medicina Tradicional Chinesa. O Goji é um fruto constituído por pequenas bagas vermelhas, que são desidratadas ao sol ou a temperaturas inferiores a 40ºC e consumidas nas formas seca e crua. As bagas de Goji pode ser adquiridas em supermercados e ervanárias. São encontradas em pacotes e a sua utilização mais habitual é através de preparados de pequeno-almoço com outras frutas secas ou frescas.


Propriedades
Excelente fonte de proteína completa, contem 18 aminoácidos diferentes, entre os quais oito essenciais ao nosso organismo, 21 minerais, onde se destacam o zinco, cobre, ferro, cálcio, fósforo e selénio. Tem vitaminas B1, B2, B6 e vitamina E, e também polissacarídeos, que contribuem para a fortificação do sistema imunitário e anti-envelhecimento.
Com propriedades antioxidantes e anti-cancerígenas, fortalece o organismo contra as doenças cardiovasculares e inflamatórias, problemas na visão, doenças do sistema neurológico e imunitário. Aumenta ainda os níveis de energia do corpo, auxilia no processo digestivo e na perda de peso. Apresenta aminoácidos que estimulam o funcionamento das células brancas até 300%, evitando o desenvolvimento de constipações, gripes ou resfriados.
São indicados em tratamentos de algumas doenças, como o cancro, tuberculose, problemas cardíacos, deficiências imunes, hipertensão, colesterol, depressão, insónia e ansiedade. Ajuda também a aliviar as dores provocadas pela menstruação e na regulação dos níveis de insulina dos diabéticos.
Como saborosos e ricos em nutrientes são aconselhados na preparação de refeições, como saladas de fruta, batidos e com cereais de pequeno-almoço. Podem ser misturados com outras frutas secas ou frescas e em chás.


Benefícios
- Protege o desenvolvimento de vários tipos de cancros;
- Atrasa o envelhecimento do corpo e aumenta a longevidade;
- Promove a energia e o bem-estar;
- Diminui a ansiedade e o stress;
- Alivia a dor de cabeça e as tonturas;
- Melhora a memória;
- Combate inflamações e a artrite;
- Auxilia na perda de peso;
- Reduz os níveis de glicose no sangue;
- Fortalece as funções do fígado e rins;
- Aumenta a libido e o desempenho sexual.


Goji na Saúde Feminina
Indicado pela Terapeuta de Medicina Tradicional Chinesa, Silvana Correia, o Goji é um fruto benéfico para dois dos grandes problemas que preocupam as mulheres, um é a obesidade e o outro a menopausa. Estudos feitos de combate à obesidade realizados na Ásia, revelam que através da administração de Gogi, de manhã e à tarde, a maior parte dos pacientes perdeu peso de forma significativa. Noutro estudo, demonstrou-se que os polissacarideos do Gogi, reduzem a massa corporal.
A menopausa ocorre entre os 48 e os 55 anos e é uma fase caracterizada por uma diminuição de estrogénios e progesterona. A especialista revela "Optando por um tratamento à base de produtos naturais, para além de estar a equilibrar o seu organismo em termos de deficiências inerentes à menopausa, a mulher beneficia de todo os outros nutrientes necessários ao organismo para alcançar o bem-estar em qualquer período da vida."
Para além dos nutrientes Silvana Correia acrescenta ainda: "nutre o sangue, tornando-o um alimento valioso como fortificante mental, sendo esta questão muito relevante nesta fase das mulheres. Na verdade o Goji trata os Sintomas da Menopausa: na Medicina Tradicional Chinesa, muitos sintomas da menopausa são descritos como uma deficiência yin do rim. Há muitos anos o Goji tem sido escolhido como o melhor tónico yin para restaurar o equilíbrio hormonal.


Chá Antioxidante
Ingredientes:
4 chávenas (chá) de água a ferver;
1 colher (chá) de folhas de chá vermelho;
2 colheres (chá) de bagas de Goji secas;


Preparação:
Junte as folhas de chá e as bagas de Goji na água já a ferver e deixe repousar durante 5 minutos. Coe e beba quente, não deve exceder as 3 chávenas por dia.


Consultoria:
Silvana Correia, Terapeuta de Medicina Tradicional Chinesa, Clínica Harmonia dos Sentidos de Cristina Candeias, http://www.harmoniadossentidos.com

Texto: Sandrina Rodrigues
Revista Saúde Hoje – edição 1
Página: 30



Muitos leitores entraram em contacto connosco, para saber onde podem comprar as bagas de goji.
Encontramos no site Chás do Mundo: http://www.chasdomundo.pt/bagas-goji,65.html


Coffee SLENDER, o café que ajuda a manter a linha!

Emagrecer de forma saudável e, se possível, com prazer, é o sonho da maioria das mulheres.

Em 2014, a AMPLIPHAR concretiza esse desejo, com o lançamento do Coffee SLENDER®, café instantâneo composto por extrato de grãos de café verde. Coffee SLENDER® estimula de forma natural o processo de emagrecimento, através da ação do ácido clorogénico, que reduz os níveis de açúcar no sangue e, consequentemente, reduz o armazenamento de gordura nas células adiposas, atuando também como um poderoso antioxidante. 

Coffee SLENDER® contém 3 vezes mais ácido clorogénico por chávena (200ml) do que o café normal em pó. 

Coffee SLENDER® é um dos maiores sucessos de dieta na Noruega. 

PVP Calculado: 13,60 € 

Toma diária recomendada: 3–6 chávenas por dia. 

Modo de utilização: Colocar o conteúdo de uma saqueta numa chávena e juntar água quente. 

1 EMBALAGEM = 21 SAQUETAS



Ação do Ácido Clorogénico:

Reduz a concentração de glicose no sangue. 

 Diminui a secreção de insulina. 

 Formam-se menos depósitos de gordura. 

 Os depósitos de gordura existentes são utilizados para a produção de energia. 

• Estudo sobre os efeitos de Coffee SLENDER® na absorção de glicose:

Os resultados de um estudo clínico realizado em 12 voluntários saudáveis, com diferentes produtos do café contendo glicose, mostram que o café instantâneo enriquecido com ácido clorogénico induz uma redução na absorção de glicose de 6,9%, em comparação com o controle. 

Este efeito não foi observado com café instantâneo normal ou descafeinado.


• Estudo sobre os efeitos de Coffee SLENDER® na perda de peso:


Num estudo comparativo randomizado, duplo cego, de 12 semanas, foi comparado o efeito de Coffee SLENDER® versus o café instantâneo na massa corporal de 30 pessoas com excesso de peso. As perdas médias de peso no grupo que tomou Coffee SLENDER® (café instantâneo enriquecido com ácido clorogénico) e no grupo que tomou café instantâneo normal foram de 5,4 kg e 1,7 kg, respetivamente. 



Conclui-se que o café instantâneo enriquecido com ácido clorogénico tem um efeito significativo sobre a absorção e utilização de glucose a partir da dieta. Se o Coffee SLENDER® for utilizado por um período prolongado, este efeito traduz-se na redução da massa corporal e da gordura corporal.







20 Recomendações Alimentares para quem está a emagrecer


Para quem está a emagrecer ou a pensar fazê-lo, o primeiro passo é não perder da mente o objectivo de emagrecer. Por isso, que tal nesta época festiva começar o mês sem exageros?


Aqui vão algumas recomendações para que a data possa se limitar a uma confraternização e não a uma confusão alimentar:

1- Não faça como em todos os anos em que a noite do dia 24 de Dezembro e do Ano Novo seja um exagero no consumo alimentar. Por isso, deve-se dispensar todo o tipo de alimentos altamente calóricos e deve-se optar por uma refeição leve, por exemplo um pouco de carne com batatas e uma salada bem diversificada, mas cuidado com os molhos. Para quem quiser seguir a tradição o bacalhau cozido, também é uma óptima opção;

2- Coma lentamente e saboreando um alimento de cada vez. A mastigação adequada é um passo importante na manutenção do peso corporal, pois o simples exercício de movimentar o maxilar estimula o centro da saciedade (localizado no hipotálamo), fazendo com que a pessoa fique satisfeita mais rápido, com um menor volume de alimentos. Assim, na hora de se deliciar com o jantar, lembre-se de mastigar várias vezes cada porção de alimento;

3- Estabeleça horários para as refeições, não salte nenhuma delas e muito menos coma nos intervalos das mesmas;

4- Faça entre 5 a 7 refeições diárias: pequeno-almoço, meio da manhã, almoço, merenda, jantar e ceia. Mas não se esqueça, não exagere nas quantidades;

5- Se cometer excessos na noite da consoada e nas seguintes, deve pensar e identificar os factores que fizeram tomar tais atitudes, para tentar corrigi-las no Ano Novo;

6- Não se deve ir para a noite da consoada com fome. Por isso se normalmente vai para casa de familiares, antes opte por uma pequena refeição rica em cereais ou frutas frescas;

7- Deve-se planificar as compras. Antes de ir ao supermercado, praça ou ao mercado, fazer uma lista de compras do que é estritamente necessário. Só assim é que se evita os alimentos mais calóricos.

8- Deve-se criar o hábito de ler o rótulo dos alimentos que compramos. Ter atenção às calorias por porção (ou quantidade), aos vários tipos de ingredientes e evitar os produtos que tenham muita gordura saturada e colesterol;

9- É fundamental ter sempre em casa frutas frescas. Não é por estarmos numa época festiva que se poderá consumir em grandes quantidades frutas oleaginosas e/ou secas;

10- Consumir fibras é sempre uma boa opção para aumentar a saciedade (“sensação de estômago cheio”). Deve-se preparar saladas incluindo algumas leguminosas como as ervilhas, lentilhas, soja, milho e outras. Além de aumentar a sensação de estômago cheio, as fibras ajudam no funcionamento intestinal;

11- Deve-se optar pelas carnes magras (como as aves, o coelho e alguns peixes) e quando prepara-las retirar a pele e a gorduras visíveis, isto porque para além de possuírem muita gordura, aumentam o valor calórico do alimento;

12- Prefira confeccionar os alimentos em assados, cozidos ou grelhados;

13-Cozinhe com o mínimo possível de manteiga e/ou banha, escolha e dê preferência aos óleos vegetais, principalmente o azeite;

14- Inicie a refeição sempre pelas saladas e pelos legumes cozidos para não exagerar na carne ou no peixe e nos acompanhamentos;

15- Sempre que se encontrar dificuldade em resistir a algum alimento típico da quadra natalícia e que se goste muito, deve-se comer apenas metade da porção (ou da quantidade) que se está acostumado;

16- Não se deve ficar mais do que 4 horas sem se alimentar, isto fará com que se consuma maior quantidade de alimentos na refeição seguinte;

17- Deve-se preferir a ingestão de água, a sumos e bebidas alcoólicas. É bom para hidratar o organismo (principalmente quando houve o abuso na ingestão de bebidas alcoólicas) e para evitar a ingestão de alimentos fora dos horários das refeições (deve-se ingerir um copo de água ou de uma infusão toda vez que se tiver aquela vontade de “petiscar” alguma coisa diferente). Por isso, hidrate-se e consuma pelo menos 2 litros de água ou líquidos por dia;

18- Deve-se evitar as bebidas alcoólicas durante o Natal. E deixe para aproveitar e brindar no Ano Novo. Mas lembre-se: 1g de álcool fornece-nos 7 calorias, então nada de exageros. Por este motivo, entre as opções, prefira os champanhes, do que as cervejas ou vinhos;

19- Não deve desistir do objectivo a que se propôs, só porque engordou uns quilinhos, tente esforçar-se ao máximo e eliminar o peso adquirido. Uma primeira opção seria intensificar o gasto energético nos dias seguintes ao Natal e no princípio do Ano, o que pode ser viável para algumas pessoas (praticando musculação, natação, hidroginástica, etc, ou seja, para quem frequenta algum health club). Se não praticar exercício físico, uma simples caminhada diariamente, pode ajudar muito na manutenção do peso corporal;

20- Lembre-se sempre de que o mais importante é mudar os hábitos alimentares através de uma reeducação alimentar, são os maus hábitos que fazem perder o controlo sobre a nossa alimentação.

Ler Mais:

Evitar os excessos do Natal e do Ano Novo

E as sobremesas...



-->

Perder peso com o chá das 30 ervas

COMO CONSUMIR
Recomenda-se que seja consumido 1 litro de chá ao longo do dia, mas esta indicação não deve ser levada em conta se o seu médico prescrever uma toma diferente.

Ingredientes
1 chávena (chá) de chá de 30 ervas;
1 l de água.

Preparação
Leve a água ao lume, quando começar a ferver retire e junte as ervas. Deixe repousar durante 5 minutos e está pronto a beber.

CONTRA-INDICAÇÕES
«Ele ajuda a perder alguns quilos e pode ser tomado, desde que com cautela, pois em grandes quantidades, como tudo, pode ser prejudicial para a saúde», alerta a Terapeuta Adriana Queiroz.

É totalmente contra-indicado durante a gravidez, na amamentação e nas pessoas com intolerância a alguma das ervas que o compõem. As crianças, idosos e portadores de qualquer doença, devem consultar um médico e/ou nutricionista.

Download do Livro Alimentação Inteligente