Doenças neurodegenerativas




CNS PROMOVE GRUPOS TERAPÊUTICOS DE APOIO AO CUIDADOR E FAMILIAR DE DOENTES NEUROLÓGICOS
·        Doenças neurodegenerativas têm consequências que podem afetar os cuidadores de doentes neurológicos
·        Cuidar de um doente com alterações cognitivas pode tornar-se difícil, exigindo do cuidador uma reestruturação da sua própria vida

O Campus Neurológico Sénior (CNS), centro português dedicado a doenças neurológicas, acaba de anunciar a constituição de Grupos Terapêuticos de Apoio ao Cuidador e Familiar de doentes neurológicos, destinados a melhorar as condições e o entendimento dos próprios no que se refere ao tratamento e acompanhamento de doentes com alterações cognitivas.

Esta iniciativa desenvolvida pelo CNS, tem como objetivo principal proporcionar aos interessados um recurso externo que permite facilitar a troca de experiências, o convívio, a compreensão e a partilha de emoções. Por outro lado, pode ainda funcionar como uma forma de procura de soluções alternativas, que podem, nestas circunstâncias, apresentar-se como uma ajuda eficaz para o dia-a-dia dos cuidadores destes doentes.

As doenças neurodegenerativas têm consequências que podem afetar não só o doente, como também, em consequência, os cuidadores. 

Na maior parte dos casos, o cuidador ou familiar não tem consciência do que o espera e do quanto lhe será exigido no contexto do acompanhamento de doentes neurológicos. Cuidar de um doente com alterações cognitivas pode tornar-se muito difícil, exigindo do cuidador ou familiar uma reestruturação da sua vida (costumes, rotinas, hábitos), comprometendo desta forma, e em consequência o seu bem-estar, para além de criar níveis de stress elevados, tanto do ponto de vista físico como emocional.

Como refere o Prof. Joaquim Ferreira, Diretor Clinico do CNS, "Quanto melhor os cuidadores souberem lidar com as situações que se lhes apresentam, mais estabilidade emocional e funcional terão para enfrentar os problemas e dar o seu contributo, para que todo o percurso assistencial se faça da melhor maneira possível."


Neste inverno diga não ao nariz entupido




Phsysiodose no tratamento e alívio da congestão nasal de toda a família 


A congestão nasal é um dos sintomas mais desagradáveis durante uma constipação ou alergia. Para além de afetar o rendimento diário, já que ao respirarmos menos bem a oxigenação do nosso cérebro não é tão eficaz, sentimo-nos também esgotados e com mal-estar geral. Porque o frio e as diferenças de temperatura ainda estão para durar, levando a cenários de constipações e congestão nasal, cuide de si e dos seus com os produtos Physiodose. Constituídos por 100% água do mar, os produtos Physiodose são ricos em Oligoelementos Cu, Mn e Mg e correspondem a três soluções diferentes, para três ações distintas: Água do Mar Isotónica (desde o nascimento), para uma higiene diária e limpeza suave, garantindo uma forma simples de assoar; Água do Mar Hipertónica (a partir dos 18 meses), indicado para a lavagem e descongestionamento em caso de nariz entupido e rinite alérgica, e Água do Mar Fluidificante (a partir dos 6 anos), adaptado para o tratamento de rinofaringites e secreções espessas, tão comuns no inverno. Com aplicadores ergonómicos para uma fácil aplicação, os três produtos Physiodose são indicados para toda a família para combater todo o desconforto associado à congestão nasal. 




 


BEBÉ VIDA | FONTES DE CÉLULAS ESTAMINAIS





Limiano Ralado



Refeições derretidas com Limiano Ralado

Deseja preparar refeições saborosas ou tornar os seus pratos ainda mais deliciosos? O novo queijo Limiano Ralado para Momentos Derretidos é o ingrediente perfeito que vai enriquecer as suas receitas e deliciar toda a família.

Tornar pequenos momentos, plenos de prazer e satisfação, é agora tão simples com Limiano Ralado. Por ser um queijo de textura amanteigada, é mais fácil de fundir, logo é ideal para utilizar na confeção de pratos no forno, gratinados ou simplesmente em refeições práticas do dia-a-dia, concedendo-lhes um paladar ainda mais delicioso e irresistível.

O novo Limiano Ralado traz novidades também na embalagem! Apresenta-se ao mercado numa embalagem dupla, com duas porções de 80 grs, muito prática e que permite garantir toda a frescura do queijo por mais tempo e sem desperdício.

Delicie-se com este queijo e experimente as receitas desenvolvidas a pensar em si, que se encontram nas embalagens duplas de Limiano Ralado para Momentos Derretidos. Tenha mais momentos derretidos em família com Limiano.

Limiano. O Queijo que faz parte da Família.

  

Sobre a Limiano
Limiano é a marca líder do mercado de queijo em Portugal, liderando também os rankings de notoriedade e preferência. É uma marca Portuguesa com um historial de mais de 50 anos e o seu produto referência é a Bola de queijo tosca e amanteigada de onde parte toda a inovação da marca em queijo flamengo. As Fatias da Bola Limiano, cortadas diretamente da bola Limiano, são um exemplo do quão diferenciador se pode ser num mercado que pede conveniência, mas onde se privilegia o autêntico e o genuíno. O lançamento de Limiano Amanteigado de Vaca e Ovelha em 2011 marca a entrada de Limiano no segmento de queijo prato nacional, um produto diferenciador e que conquistou o Master da Distribuição 2012.
Para mais informação consulte www.limiano.pt ou siga a marca no facebook www.facebook.com/limiano
 

Sobre a Bel Portugal
A Bel Portugal (www.belportugal.pt) é uma empresa especialista em queijo, com várias marcas que fazem parte dos hábitos alimentares dos portugueses há gerações. É líder do mercado de queijo, detendo as duas maiores marcas - Limiano (www.limiano.pt) e Terra Nostra (www.terra-nostra.pt) - que lideram também o segmento de flamengo. A marca ícone mundial da Bel é A Vaca que ri (www.avacaqueri.pt), que lidera em Portugal o segmento de queijo fundido. Com 3 fábricas em Portugal (2 nos Açores e 1 em Vale de Cambra), a Bel tem uma forte presença local empregando mais de 600 trabalhadores, sendo ativa de ponto de vista social e ambiental.


NOITES MAL DORMIDAS PODEM CAUSAR PERDA AUDITIVA REPENTINA


Relação entre apneia do Sono e perda auditiva continua em estudo

NOITES MAL DORMIDAS PODEM CAUSAR PERDA AUDITIVA REPENTINA

Se precisa de um motivo para dormir mais umas horas diariamente, aqui está: ouvimos melhor quando descansamos mais. Esta foi uma das principais conclusões de um estudo publicado no Archives of Otolaryngology - Head & Neck Surgery, no qual foi estabelecida uma relação entre a apneia do sono (paragem respiratória sucessiva durante o sono) e a perda repentina da audição.

Para alcançar estes resultados, os especialistas analisaram os hábitos de vida de mais de 3 mil indivíduos com perda repentina de audição. Cada um dos pacientes foi comparado a outros cinco da mesma idade e sexo sem problemas de audição. A correlação entre a apneia do sono e o episódio de perda de audição repentina foi verificada em 8% da população estudada. A relação inversa foi ainda mais preocupante: os investigadores descobriram também que a população com perda repentina de audição estudada apresentava uma probabilidade 48% superior de má qualidade do sono (microdespertares e dessaturação frequente) comparativamente com os indivíduos que não possuíam perda auditiva.

“ A apneia do sono aumenta a pressão arterial e gera sobrecarga cardíaca, provocando alterações cardiopulmonares e cerebrais por hipoxia ou baixa de saturação de oxigénio durante o sono. O ouvido interno é um órgão sensível à hipoxia e aos problemas vasculares pelo que, consequentemente, a sua função pode ficar afetada, nomeadamente a qualidade da audição. A perda de audição está assim indiretamente relacionado com a qualidade do sono e a presença da apneia. É de extrema a importância que, assim que existe uma perceção do problema, o individuo procure um tratamento adequado, mesmo que a perda auditiva seja considerada leve. Os recursos atuais para tratamento da apneia do sono, seja com dispositivos médicos ou com cirurgia (quando esta está indicada),podem revelar-se bastante importantes na qualidade de vida das pessoas. Em relação à perda auditiva a utilização de próteses auditivas pode representar uma grande ajuda para ultrapassar este problema”, refere a Dr.ª Rosa Castillo, Otorrinolaringologista.

Estima-se que cerca de 1 milhão de portugueses sofre de Apneia Obstrutiva do Sono, e que esta afeta 24% da população adulta masculina com idade superior aos 40 anos. Curiosamente, estima-se igualmente que a perda auditiva afete cerca de um milhão de portugueses. Destes, 35% são indivíduos com idade superior a 65 anos.

Especialista desde 1926, a MiniSom pertence ao grupo AudioNova, um maiores grupos europeus de retalho de aparelhos auditivos, sedeado na Holanda e presente em 13 países europeus. Atualmente, a MiniSom disponibiliza aparelhos auditivos mais inovadores, das principais marcas, através dos seus mais de 50 centros próprios. Para mais informação sobre a MiniSom consulte www.minisom.pt.



Henkel - Está no ar a campanha TV dos novos Desumidificadores Rubson






Veja o vídeo promocional no Youtube em: http://youtu.be/Y3haAMT9Cxc

Nova campanha de televisão da Henkel já está “no ar”

Desumidificadores Rubson AERO 360º e Rubson Compact acabam com a humidade

• Rubson AERO 360º e Rubson Compact, são a melhor solução para resolver os problemas de humidade doméstica
• Novos desumidificadores com tecnologia Henkel, são muito eficientes, aerodinâmicos, ultracompactos e muito ecológicos
• Produtos ideais para cozinhas, salas, quartos, roupeiros, casas de banho, marquises, despensas, garagens, caves ou sótãos


A Henkel tem “no ar” uma nova campanha televisiva para dar a conhecer a sua nova gama de desumidificadores domésticos composta por 2 modelos: O revolucionário Rubson AERO 360º, que utiliza pastilhas de 450 gramas, e o Rubson Compact com capacidade de 0,6 litros e pastilhas de 300 gramas. Este novos produtos, são fruto da tecnologia Henkel e surgem com melhor solução contra os graves problemas de humidade, que sazonalmente afetam o interior das nossas casas.


Os dois novos desumidificadores Rubson AERO 360º e Rubson Compact caracterizam-se ainda por serem super eficientes, aerodinâmicos, ultracompactos e muito ecológicos. São extremamente práticos, muito fáceis de usar no dia-a-dia em nossas casas, sobretudo por serem leves e portáteis com a particularidade ecológica de não necessitarem de energia elétrica para cumprirem a sua função de eliminação do excesso de água do ar ambiente do interior das nossas casas.

O Rubson AERO 360º, surge como a solução ideal para os problemas de humidade em grandes divisões (áreas de 20m2 e 55 m3). Este novo desumidificador é 40% mais eficiente que os dispositivos concorrentes tradicionais do mercado, obtendo-se a 1ª gota de água após 12 h de utilização. Este equipamento produz resultados excelentes e é o sistema ideal para o uso em: cozinhas, salas, quartos, garagens, caves ou sótãos.

O desumidificador Compact da Rubson, caracteriza-se por ser ultra compacto e de extrema portabilidade, é ideal para espaços mais pequenos (divisões com 15m2/38m3). Este produto também permite neutralizar os maus odores, proporcionando assim um clima perfeito de bem-estar dentro das nossas casas. Os seus resultados são excelentes, com a primeira gota de água após 24 horas, sendo o equipamento ideal para o uso em cozinhas, salas, quartos, roupeiros, casas de banho, marquises, despensas.

Como oferta especial de lançamento, ambos os dispositivos vêm munidos com uma pastilha.


Dia Nacional do Doente Coronário assinala-se a 14 de fevereiro

Ataque cardíaco mata 4 mil portugueses por ano
Todos os anos morrem mais de quatro mil portugueses vítimas de um enfarte agudo do miocárdio, uma situação que os especialistas querem ver alterada, relembrando a importância da prevenção da doença no dia em que se celebra o Dia Nacional do Doente Coronário.
"As artérias coronárias são responsáveis pelo fornecimento de oxigénio ao coração e quando uma destas artérias fica obstruída e impede a passagem do sangue, provoca uma redução de oxigénio no músculo cardíaco, provocando lesão e morte celular de parte deste tecido, desencadeando o enfarte agudo do miocárdio", explica Severo Torres, coordenador da Unidade de Cardiologia do Hospital Lusíadas Porto.


"A principal causa do enfarte do miocárdio deve-se à acumulação de gordura e de outros componentes nas paredes das artérias coronárias, formando as chamadas placas de ateroma, capazes de obstruir os vasos sanguíneos e impedir o fluxo de sangue a partir daquele local", acrescenta o cardiologista, afirmando ainda que "esta doença cardiovascular é a causa de morte de mais de quatro mil portugueses todos os anos".
O principal sinal de alerta é a dor no meio do peito, que se pode estender para um ou para os dois braços, para as costas, pescoço, maxilar ou estômago, seguindo-se de outros sintomas como fraqueza ou fadiga inexplicáveis, falta de ar, suores, náuseas, vómitos, palidez e desmaio.

"O rastreio dos fatores de risco cardiovascular na população assintomática deve ser feito nos homens a partir dos 40 anos e nas mulheres a partir dos 50 anos ou após a menopausa. Um jovem sem sintomas, sem fatores de risco (nos quais se incluem os antecedentes familiares), com um exame físico sem alterações e um eletrocardiograma normal terá pouca probabilidade de ter qualquer alteração cardiovascular. Na presença de fatores de risco e de acordo com a avaliação do risco global, serão definidos os necessários exames complementares, que poderão incluir o eletrocardiograma, o ecocardiograma, a prova de esforço, o doppler carotídeo, a tomografia axial computorizada cardíaca, a ressonância magnética nuclear cardíaca e outros mais específicos, decorrentes de eventuais alterações detetadas nestes exames prévios", acrescenta o cardiologista.

Para prevenir a doença, o especialista aconselha: "fazer cinco refeições por dia, privilegiando o consumo de vegetais, fruta, cereais e peixe, beber um litro e meio de água por dia, fazer exercício, dormir cerca de seis a oito horas por dia e evitar bebidas alcoólicas e alimentos salgados ou ricos em gorduras e açúcares".

Sobre a Lusíadas Saúde:
Lusíadas é uma marca que abrange Hospitais e Clínicas de norte a sul do país. Em 2014, a Lusíadas Saúde foi eleita pelo 2º ano consecutivo "Escolha do Consumidor". O seu principal foco é cuidar dos seus clientes. A Lusíadas Saúde faz, por ano, cerca de 700.000 consultas, mais de 280.000 atendimentos urgentes, cerca de 30.000 cirurgias e mais de 4.100 partos. Para mais informações consulte: www.lusiadas.pt
Hospital Lusíadas Porto | Hospital Lusíadas Lisboa | Hospital Lusíadas Albufeira | Hospital Lusíadas Faro| Hospital de Cascais (PPP)
Clínica Lusíadas Gaia | Clínica Lusíadas Almada | Clínica Lusíadas Parque das Nações | Clínica Lusíadas Forum Algarve


CNS | A INCONTINÊNCIA E OUTRAS ALTERAÇÕES URINÁRIAS NA POPULAÇÃO IDOSA


"A incontinência e outras alterações urinárias na população idosa" será o tema da próxima "Conversa no Campus sobre Saúde"

Causa frequente de exclusão social, interfere na saúde mental dos idosos, comprometendo a sua qualidade de vida


O Campus Neurológico Sénior (CNS), centro português dedicado a doenças neurológicas realizará no próximo dia 21 de fevereiro, pelas 17h00, nas suas instalações em Torres Vedras, uma conferência com o mote "São a incontinência e outras alterações urinárias inevitáveis na população idosa?".
Esta conferência terá como palestrante o Dr. Luís Abranches Monteiro, médico neurologista e Presidente da APNUG (Associação Portuguesa de Neurourologia e Uroginecologia), que irá abordar diversas questões relativas à incontinência e outras alterações urinárias na população idosa.
A incontinência, assim como outras alterações urinárias são um dos motivos mais frequentes para as pessoas procurarem um médico, e são também uma causa frequente de exclusão social, interferindo na saúde física e mental dos seniores, comprometendo por vezes a sua qualidade de vida.
Desta forma e através desta conferência o objetivo será dar a conhecer as principais causas de incontinência urinária na população mais idosa, bem como formas de a combater ou mesmo tratar.
Estas conversas são direcionadas à população em geral, portadores de doenças neurológicas e familiares de doentes e cuidadores.
A participação é gratuita, mas sujeita a marcação prévia obrigatória por parte dos interessados, para tal apenas terá de enviar um email para unidaderesidencial@cnscampus.com ou ligar para 261 330 701.


Queijo combina com… leite Terra Nostra!





 

Guia de Remédios Naturais para Mulheres - NASCENTE: Um convite para um guia exclusivo para mulheres



SUGESTÃO PARA O MÊS DA MULHER - MARÇO

A preocupação das mulheres pelo seu bem-estar leva-as a procurar ferramentas de desenvolvimento pessoal e formas mais naturais de se cuidarem. Os remédios naturais são uma excelente opção sempre que precisar de recorrer a ajuda externa, pois contribuem para reduzir a intensidade e frequência dos problemas de saúde, aliviar o desconforto e prevenir complicações futuras.

Sofia Loureiro, licenciada em biotecnologia, doutorada em química do ambiente e terapeuta natural, elaborou um Guia de Remédios Naturais para Mulheres (Nascente I 448 pp I 19,99€), pleno de recomendações e informação útil, que vai ajudar as mulheres a cuidarem melhor de si.

Com mais de meia centena de queixas de saúde comuns (exemplo: dor na mama, celulite, estrias, infeção vaginal, menstruação, prisão de ventre, etc), e recomendações detalhadas sobre como utilizar um vasto leque de terapias naturais para cada uma delas – Herbalismo, Aromaterapia, Florais de Bach, Hidroterapia e Geoterapia, Homeopatia e Sais de Schüssler, Remédios Caseiros, Reflexologia Podal - este guia inclui também uma secção sobre como implementar um estilo de vida saudável e outros temas importantes para o bem-estar físico, mental e emocional da mulher.

Este é um guia de saúde natural que todas as mulheres vão querer ter sempre à mão. A Nascente disponibiliza os primeiros capítulos gratuitamente, aqui.


SOBRE A AUTORA

Sofia Loureiro, também autora do livro Guia de Remédios Naturais para Crianças, é licenciada em biotecnologia, doutorada em química do ambiente e terapeuta natural. Foi nas terapias naturais que encontrou uma ponte entre o microcosmo humano da biologia e o macrocosmo ambiental da ecologia.

Os vários anos dedicados à investigação científica e a publicação de artigos, juntamente com os conhecimentos adquiridos ao longo da sua formação em diversas disciplinas de terapias naturais (naturopatia, homeopatia, aurículo-acupuntura, etc.), concorreram para o rigor essencial à redação desta obra abrangente e detalhada.

A sua dedicação ativa às terapias naturais manifesta-se através de artigos de divulgação e da participação em palestras e workshops.


20|20 Editora • Booksmile • Nascente • Topseller • Vogais


Perturbações mentais ignoradas nos idosos


Tristeza, ansiedade, insónia, alterações de memória e do comportamento são alguns dos sintomas recorrentes em pessoas com mais de 65 anos e que são, muitas vezes, associados ao envelhecimento, uma realidade que atrasa o diagnóstico das doenças psiquiátricas e que pode comprometer o tratamento.

“Apesar de frequentes, os problemas de saúde mental dos idosos não estão devidamente identificados, sendo muitas vezes associados ao processo natural de envelhecimento. Na consulta de Psiquiatria Geriátrica conseguimos assegurar o diagnóstico precoce das múltiplas patologias psiquiátricas nos idosos, como a depressão, ansiedade, demência, doença bipolar e esquizofrenia de início tardio”, revela Ana Peixinho, coordenadora da Unidade de Psiquiatria e Psicologia do Hospital Lusíadas Lisboa.

“A consulta garante uma abordagem compreensiva desde o diagnóstico até ao tratamento destas doenças e foca-se em ouvir e responder às preocupações das pessoas com mais de 65 anos, ajudar as suas famílias e, quando necessário, trabalhar em articulação com outros profissionais de saúde de forma a disponibilizar um acompanhamento efetivo durante todo o processo”, explica Ricardo Coentre, psiquiatra responsável pela consulta de Psiquiatria Geriátrica.

A elevada prevalência das doenças psiquiátricas associadas ao envelhecimento, a existência de co morbilidades físicas, a polimedicação, o isolamento e o luto são os principais fatores indicativos de necessidade de observação e acompanhamento diferenciado. A depressão clinicamente significativa é uma doença muito frequente no idoso, afetando 10 por cento das pessoas com mais de 65 anos.

A consulta de Psiquiatria Geriátrica, integrada na Unidade de Psiquiatria e Psicologia do Hospital Lusíadas Lisboa, é um serviço especializado de diagnóstico e tratamento das doenças psiquiátricas associadas ao envelhecimento e está indicada para pessoas com idade igual ou superior a 65 anos.

Sobre a Lusíadas Saúde:
Lusíadas é uma marca que abrange Hospitais e Clínicas de norte a sul do país. Em 2014, a Lusíadas Saúde foi eleita pelo 2º ano consecutivo “Escolha do Consumidor”. O seu principal foco é cuidar dos seus clientes. A Lusíadas Saúde faz, por ano, cerca de 700.000 consultas, mais de 280.000 atendimentos urgentes, cerca de 30.000 cirurgias e mais de 4.100 partos. Para mais informações consulte: www.lusiadas.pt
Hospital Lusíadas Porto | Hospital Lusíadas Lisboa | Hospital Lusíadas Albufeira | Hospital Lusíadas Faro| Hospital de Cascais (PPP)
Clínica Lusíadas Gaia | Clínica Lusíadas Almada | Clínica Lusíadas Parque das Nações | Clínica Lusíadas Forum Algarve

Citeforma - Cursos Fevereiro

LISBOA

Av. Marquês de Tomar, nº 91 | 1069-181 LISBOA
Tel.: 21 799 45 60
geral@citeforma.pt

Horário de atendimento da Secretaria

2ª a 6ª, das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00

O Citeforma promove ainda formação nos seguintes locais:


PORTALEGRE

Delegação do SITESE
Morada Rua 19 de Junho, 31 | 7300-155 PORTALEGRE
Tel.: 245202651 / 245331249
Fax: 245203165
port.citeforma@sapo.pt


BEJA

Centro de Formação WEDARE
Rua General Morais Sarmento, 13 | 7800-064 BEJA
Tel.: 284 328 730
asoares@wedare.pt

Horário de atendimento das 9h às 17h30







Download do Livro Alimentação Inteligente